A Tertúlia tem como objectivo principal:

a) promover acções de carácter humanitário, de ajuda a Radioamadores que dela necessitem e de colaboração na prevenção e combate a sinistros;

b) promover a aproximação entre Radioamadores dos diversos quadrantes.

(Artº Quarto dos Estatutos)


.

.

Projeto HUMSAT

O Projeto Humsat é um programa para a constituição de uma rede de pequenos satélites destinados ao desenvolvimento sustentável em pequenas aplicações de âmbito regional. Entre outras aplicações, destacamos a medição de dados climáticos e a cobertura de comunicações em lugares onde não há infra-estruturas de comunicações, tais como áreas subdesenvolvidas, áreas desabitadas e áreas devastadas por desastres naturais. As capacidades de comunicação fornecidos pelo sistema Humsat poderão, ainda, estar disponíveis, em outras áreas, em todo o mundo.
Este programa, patrocinado pelas Nações Unidas, foi apresentado em 2010 e está a ser desenvolvido, entre outras, pela Universidade de Vigo, em Espanha que já lançou, em novembro passado, o Humsat-D destinado a testar a comunicação com sensores no solo. Universidades e amadores são convidados a desenvolver os seus próprios sensores compatíveis com Humsat.
Já este mês de Março, entrou em funcionamento (teste) uma aplicação que possibilita o envio de mensagens de texto em lugares sem internet nem rede GSM (telemóveis). Os dados são recolhidos à passagem do satélite (mais tarde haverá uma rede de satélites) e, automaticamente, descarregados e enviados por SMS aos destinatários/utilizadores.
Curioso (ou talvez não!) é que o Humsat-D comunica na faixa de amador (437,325MHz) sendo, inclusivamente, pedida a nossa colaboração para a informação de dados recebidos.
Humsat-D tem uma baliza, que transmite em CW, durante o dia e a cada 150 segundos. É pedido a quem deseje colaborar e receba os dados, para os gravar o áudio e o enviar para humd.reports @ humsat.org .

À velocidade do desenvolvimento tecnológico, dentro em pouco, esses portáteis (caríssimos!) usados em redes digitais codificadas, de marca, terão outro fim...

Sem comentários: