A Tertúlia tem como objectivo principal:

a) promover acções de carácter humanitário, de ajuda a Radioamadores que dela necessitem e de colaboração na prevenção e combate a sinistros;

b) promover a aproximação entre Radioamadores dos diversos quadrantes.

(Artº Quarto dos Estatutos)


.

.

CEPT


A Conferência Europeia das Administrações de Correios e 
Telecomunicações (CEPT) e o Comité de Comunicações Electrónicas (ECC
tem a página dos assuntos sobre radioamadores em: 
http://www.cept.org/ecc/topics/radio-amateurs/
Duas das Associações internacionais de radioamadores que tem estatuto de parceiro no ECC são a :
IARU-R1 http://www.iaru-r1.org/
EURAO http://www.eurao.org/pt/node/14

As bandas, a pirataria e o exemplo Tailandês

Comentava, há dias no IARUMS, o radioamador Lou – VK5EEE, sobre a impraticabilidade das bandas, devido ao QRM e as consequências daí advindas, nomeadamente, o abandono da prática do radioamadorismo e a desertificação das bandas.

A título de “um bom exemplo”, Lou-VK5EEE cita o caso tailandês onde há ZERO piratas.

Na Tailândia há 3 classes de amador (as regras gerais da ITU são as mesmas): Básica, Intermediária e Avançada:
- Básica permite operar em 10 metros (28 MHz) até 100W, bem como dois metros (144 MHz) até 60W. Nos estações dos clubes a potência emitida pode ir até 100 W. Aqueles que não possuem uma licença de rádio amador podem operar numa estação de clube, sob supervisão. O exame para a licença Básica(Novice) é mais fácil que o da Fundation em UK (pouco mais que legislação).

A classe não caduca, por isso, dos 246.959 licenciados, 97,1% são Básica. Apenas 717 (2,9%) decidiram prestar provas para as classes Intermediária e Avançada.
- Os indicativos (de estação) expiram ao fim de dois anos, se não forem renovados e são reatribuídos a outros. 
- O teste de código Morse é um componente do exame de radioamador de classe intermediária e avançada

Na legislação tailandesa há algumas regras nacionais que, segundo o Lou, podem condicionar comportamentos menos recomendáveis, tais como:
1. ninguém pode adquirir um equipamento sem exibir uma licença;
2. ninguém pode utilizar um equipamento importado sem inspeção;
3. ninguém pode operar "algures" em móvel/portátil, tem de ter uma localização identificada.
E, afirma,  apesar da lentidão na obtenção de uma licença (chegam a esperar 6 meses pelo exame) este sistema funciona!

Sendo a Tailândia um país com 247.000 radioamadores (1 em cada 275 habitantes é radioamador / em Portugalk é 1 para cada 1596 hab), tendo uma densidade populacional idêntica à de Portugal, 132h/km2  (habitantes por kilómetro quadrado) PT 115h/km2, sendo mais pobres ($14.442 vs $26.306 rpc) mas mais instruidos (96,43% vs 94,48%), numa população de 68 Milhões de pessoas (6,5 vezes superior à de Portugal) como se consegue ter “radioamadores satisfeitos” e sem piratarias?

E se em Portugal, a Anacom decidisse:
1- abrir os 10m e os 2m à categoria 3 (algo parecido com a antiga classe C) como forma de se prevenir a pirataria, ou supervisões de coisa nenhuma, (algumas pagas!)?;
2- condicionar a venda de equipamentos de amador à apresentação e registo do CAN, poupando na fiscalização que é muito dispendiosa (e por isso...) e que a taxa cobrada aos amadores não paga?

Exigir que sejam os amadores a indicar a origem da interferência, não funciona...(não somos delatores e, pelo contrário, pagamos para ter proteção!);

A Anacom, junto de quem as propostas dos amadores parecem não vingar (há uma proposta há 6 anos, sem resultados...) terá de pensar melhor a sua estratégia ao invés de ouvir (alguns) amadores e a ficar no que lhe parece...
Senão isto pode tornar-se impraticável.

José Machado-CT1BAT

Propagação para os próximos 3 meses!

dia a dia, mês a mês...


Short-Path Propagation from UK

January

Propagation Forecast

Based on CW+100W to a dipole at 35ft, SSN 29.
For SSB look for 60-70%+ reliability(Rel.).


«UTC»
0001020304050607
0809101112131415
1617181920212223
«MHz»
3.57101418212428
Select another month

Propagation maps created with HamCAP

Current conditions



Tne Solar Wind Model below predicts the arrival times of coronal mass ejections (also known as CMEs). When you click on this graph, you can see the CME leaving the sun and approaching earth. The sun is the dot in the middle. Earth is the dot on the right. The colours you see swirling is the solar wind and particles headed toward earth that may produce auroras/bad HF conditions.



ver aqui 

Utilização da faixa 1850-2000 kHz pelo serviço de amador em 2017


A ANACOM informa que é autorizada a utilização da faixa 1850-2000 kHz, nas condições fixadas no Quadro Nacional de Atribuição de Frequências (QNAF) para a faixa 1830-1850 kHz, para a participação nos seguintes concursos durante o ano 2017:
  • 07 a 08.01.2017 - Concurso EUCW 160m;
  • 27 a 29.01.2017 - Concurso CQ World-Wide 160m Contest (CW);
  • 18 a 19.02.2017 - Concurso ARRL International DX (CW);
  • 24 a 26.02.2017 - Concurso CQ World-Wide 160m Contest (SSB);
  • 04 a 05.03.2017 - Concurso ARRL International DX (SSB);
  • 18 a 19.03.2017 - Concurso Russian DX;
  • 25 a 26.03.2017 - Concurso CQ World-Wide WPX (SSB);
  • 01 a 02.04.2017 - Concurso SP DX;
  • 08 a 09.04.2017 - Concurso JIDX (CW);
  • 15 a 16.04.2017 - Concurso YU DX;
  • 29 a 30.04.2017 - Concurso Helvetia;
  • 06 a 07.05.2017 - Concurso ARI Internacional DX;
  • 20 a 21.05.2017 - Concurso S.M. El Rey de Espanha (CW);
  • 24.05.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 27 a 28.05.2017 - Concurso CQ World-Wide WPX (CW);
  • 10 a 11.06.2017 - Concurso SKCC weekend Sprint;
  • 17 a 18.06.2017 - Concurso All Asian DX (CW);
  • 24 a 25.06.2017 - Concurso S.M. El Rey de Espanha (SSB);
  • 28.06.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 08 a 09.07.2017 - Concurso IARU HF Championship;
  • 26.07.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 05.08.2017 - Campeonato European HF;
  • 23.08.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 27.09.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 07 a 08/10/2017 - Concurso Oceania DX (SSB);
  • 25.10.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 28 a 29.10.2017 - Concurso CQ World-Wide DX (SSB);
  • 04 a 05.11.2017 - Concurso Ucrânia DX;
  • 22.11.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW);
  • 25 a 26.11.2017 - Concurso CQ World-Wide DX (CW);
  • 01 a 03.12.2017 - Concurso ARRL 160m;
  • 16 a 17.12.2017 - Concurso Croácia CW;
  • 27.12.2017 - Concurso SKCC Sprint (CW).
Esta autorização enquadra-se no n.º 3 do artigo 5.º do Decreto-Lei n.º 151-A/2000, de 20 de julho, com a redação dada pelo Decreto-Lei n.º 264/2009, de 28 de setembro.
A presente autorização para utilização temporária da faixa 1850-2000 kHz não permite que a mesma seja usada para outros fins no âmbito do serviço de amador, nem por quaisquer outros serviços de radiocomunicações.
Adicionalmente, as emissões associadas a esta utilização não poderão causar interferências noutros serviços de radiocomunicações, implicando a sua ocorrência a cessação imediata da emissão interferente na referida faixa.
Estas utilizações deverão cumprir, sempre que aplicável, o disposto no Decreto-Lei n.º 53/2009, de 2 de março.
É de salientar que não resulta daqui qualquer vínculo da ANACOM, ou qualquer direito, expectativa ou interesse legalmente protegido, em relação à presente autorização no processo futuro relativo a esta faixa de frequências.

Consulte:

EuroBureauQsl: o QSL via EURAO

EuroBureauQsl: o QSL via EURAO
Para terminar o ano em GRANDE recebemos, hoje, 3 pacotes de QSL da Ucrânia, de Espanha e do Chile (cerca de duas centenas de cartões).
Pois, hoje mesmo, os destinatários são avisados, via email para o endereço do qrz.com (ou outro que tenham indicado), da sua chegada.
No próximo dia útil vão para o correio os cartões, de quem (sem vinculo associativo) já nos enviou o envelope auto-endereçado ou das associações que informaram os seus associados, sem qualquer custo.
A TRGM considera a entrega do QSL um direito dos Radioamadores e a sua distribuição um SERVIÇO AO RADIOAMADORISMO e, por tal, não cobra nada.

Novos CS7

Regressaram a Coimbra os novos Colegas da categoria 2 que, esta manhã, prestaram provas e foram aprovados no exame de acesso àquela categoria.
As capacidades demonstradas são prova do seu empenhamento e estudo que a Tertúlia se orgulha de ter acompanhado.
Benvindos às bandas que, estamos certos, ficarão mais enriquecidas com a vossa presença.
Filipe-CS7ALM, Tavares-CS7ALP, Tiago-CS7ALN, Vitor-CS7ALO e Álvaro-CS7ALK,


Aí vão eles!

A caminho da categoria 2 (sessão 3)

E, mais uma vez, se reuniram os candidatos a exame da categoria 2 para, durante mais 4 horas (e estavam para continuar...) abordarem temas como amplificadores, misturadores, transistores e à alimentação do circuito (digestivo!).
Amanhã continuamos, porque se aproxima a hora!

Joseph Henry

Completam-se, hoje 17 de Dezembro, 138 anos sobre a morte física de Joseph
Joseph Henry
Henry
, nascido nos EUA em 1797 que foi um dos primeiros grandes cientistas norte-americanos. Henry descobriu vários fenómenos elétricos importantes, entre os quais a autoindução eletromagnética, fenómeno de grande importância em circuitos eletrónicos.
Em 1832 Henry notou, pela primeira vez, o fenómeno de autoindução e 3 anos depois, criou e construiu o primeiro motor elétrico.
Apesar de se considerar que 
Michael Faraday foi quem descobriu a indução eletromagnética, por ter publicado os seus resultados em 1831, Henry já havia observado o fenómeno um ano antes. No mesmo ano em que Faraday publicou os seus resultados sobre a indução eletromagnética, Henry construiu com sucesso um telégrafo que funcionava a uma distância de uma milha (1,6 quilómetros).
Ao longo das suas investigações na área da eletricidade e magnetismo, Henry descobriu as leis que regem o funcionamento do transformador de corrente elétrica e compreendeu que as correntes elétricas podiam ser induzidas à distância (percursoras do funcionamento do rádio).
De 1838 a 1846, Henry foi extremamente ativo nas suas investigações, não só em eletricidade e magnetismo, mas também noutras áreas da física. Por exemplo, publicou artigos sobre capilaridade e fosforescência . Em 1845, Henry utilizou um termogalvanómetro, um instrumento de deteção de calor, para mostrar que as manchas solares emitem menos radiação que o resto da superfície solar.
Escreveu também artigos sobre atomicidade e sobre a teoria dos imponderáveis. Publicou vários trabalhos sobre a aurora e sobre calor. Henry revelou, também, bastante interesse sobre o daltonismo, para além de ter feito investigações sobre propagação e deteção de luz e som. 


Em 1893, foi dado à unidade de indutância, o Henry (H).

SK de Fernando Cristino - CT4EW



A ARBA informou o falecimento do seu Sócio-Fundador Fernando Cristino (CT4EW).
O funeral realiza-se amanhã (13/12) pelas 15:00 a partir da igreja de N.S. da Conceição em Viseu.
À família enlutada a TRGM endereça sentidas condolências. 

A caminho da categoria 2 (sessão 2)

Os radioamadores, apoiados pela TRGM, a crescer em conhecimento para se tornarem MAIS e MELHORES RADIOAMADORES para contribuir para um verdadeiro Radioamadorismo alicerçado na instrução individual, na intercomunicação e no estudo técnico.
O Objetivo "à vista"!


a caminho da categoria 2 (sessão 1)

Teve lugar esta tarde, em Coimbra, a 1ª sessão de testes para o exame da categoria 2 (CS7) a realizar no final do mês.
Adicionar legenda

Vitor Almeida-CR7ALO está de luto.




Informamos que faleceu hoje (06/12) a Xyl do colega Vitor-CR7ALO.
O funeral realizar-se-á amanhã na Figueira da Foz.
À família enlutada manifestamos sentidos pêsames.

Preparação para exame de categoria 2 (CS7...)

CS7... 

A Tertúlia vai levar a efeito, nos próximos dias 10, 11 (sábado e domingo) e 17 e 18 (também sábado e domingo), das 16:00 às 19:00 horas, quatro sessões para "tirar dúvidas"/realizar teste de conhecimentos e recordar as matérias específicas do programa de exame da categoria 2, transmitidas nas ações de preparação para radioamador em 2014.
As sessões, que terão lugar em Coimbra, destinam-se a um grupo que obteve licença da categoria 3 em dezembro de 2014. Contudo se houver algum amador, daquela categoria, interessado em ir a exame, poderá contatar-nos, para trgm.pt@gmail.com e integrar o grupo.


Almoço de Natal da Tertúlia - 2016

Teve lugar, esta tarde, no Parque Empresarial de Taveiro-Coimbra, o almoço de Natal da Tertúlia que contou com a presença de um número significativo de membros e familiares em tranquilo convívio.

A todos os que não puderam estar connosco desejamos, igualmente, Boas Festas!

Uma bonita imagem!

Para defender os interesses dos radioamadores, os representantes associativos não precisam de estar de costas voltadas, pelo contrário!
Os representantes da IARU-R1 (David) e da EURAO (Sam) na reunião da CEPT em outubro/2016
Como foi noticiado, a EURAO-Organização Europeia de Radioamadores foi, recentemente, aceite como representante dos radioamadores junto da CEPT-European Conference of Postal and Telecommunications Administrations.
CNa sequência desta entrada foi decidido, na WGFM#86 que a IARU e a EURAO iriam trabalhar juntas num código de conduta comum para os radioamadores.
Devido ao reconhecimento da EURAO e ao facto de passar a ter assento na CEPT, a partir de agora, nos documentos, as atuais referências à IARU serão substituidas por "organizações internacionais representativas dos radioamadores licenciados".

Almoço de Natal 2016

Como habitualmente, a Tertúlia vai realizar o seu Almoço de Natal no próximo dia 4 de dezembro, domingo, em Coimbra.

Esperamos que seja, como já é habitual, um excelente momento de convívio e confraternização entre os membros da Tertúlia, seus familiares e amigos, coincidindo com uma época onde os valores universais de paz e fraternidade são mais lembrados.

O almoço terá lugar pelas 13:00 horas no Restaurante Brasil no Parque Empresarial de Taveiro (40.192265N  -8.510573W) e constará de entradas, rodízio brasileiro, vinho tinto e branco, café e caipirinha.

A marcação, indicando o número de pessoas, poderá ser feita para o email da Tertúlia trgm.pt@gmail.com ou para o telefone 963708016 (Machado) até ao último dia de novembro (dia 30, quarta-feira).

O pagamento de €20,00, por pessoa, será efetuado antes do almoço.


A Tertúlia conta convosco!


Pagamento da utilização do espetro

O dia 03 de Outubro, segunda-feira, é o ÚLTIMO DIA para pagamento da taxa anual utilização espectro pelo titular de CAN.


PLANO ESTRATÉGICO DO ESPECTRO - Agosto 2016

Foi publicado o Plano Estratégico do Espectro da responsabilidade da ANACOM, que pode ser consultado aqui.
O plano refere-se às comunicações de amador a partir da página 34.



Consulta Pública pela CEPT: novas condições de acesso a Radioamador


------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
À atenção de todos os Radioamadores:
Está em CONSULTA PÚBLICA http://www.cept.org/ecc/tools-and-services/ecc-consultation , desde 31/05 até 01/08/2016, a alteração das matérias de exame e outras regras para obtenção do certificado de radioamador nos países CEPT e não-CEPT.
Esta decisão, que vai ter impato em toda a atividade radioamadorística vai ser tomada em Outubro próximo, alterando as regras em vigor desde Set/2005.
Se algum colega tiver dificuldade contate-nos, para trgm.pt@gmail.com e a TRGM fornecerá a tradução.
Exortamos todos os Radioamadores, verdadeiramente interessados em contribuir de uma forma positiva para a atividade, a manifestarem a sua opinião.

73
O Presidente da Direção,
José Machado – CT1BAT

Sardinhada da Tertúlia 2016

Como habitualmente a Tocha recebeu os "tertúlios" para a tradicional Sardinhada da Tertúlia.
Um dia bem quente, logo pela manhã, mas amenizado por uma fresca brisa marinha ali do lado do mar.
Foi, como de costume, uma agradável jornada de confraternização que terminou, para alguns, com um mergulho na praia da Tocha para refrescar mais um pouco.
Obrigado Amigos, repetiremos para o ano!



Sardinhada da Tertúlia 2016

Como habitualmente vai acontecer, no próximo domingo, dia 17 no Campo de Tiro do Clube de Caçadores da Tocha a tradicional Sardinhada da Tertúlia.

A concentração far-se-á a partir das 11:30 horas locais no, referido, campo de tiro
(coordenadas 40.328297, -8.782528  ou mapa no verso).

Só precisa levar boa disposição e vontade de conviver! (Se quiser levar uma pequena sobremesa, não será penalizado...)


Inscrições até sexta-feira, indicando o nº de pessoas (para o email trgm.pt@gmail.com ou para o tlm 963708016-Machado)

Monopoly? que monopólio?

Pelo seu valor e atualidade reproduzo, com a devida vénia ao seu presidente Sam- EA3CIW, o excelente texto e citação de Jorge Bucay, publicado na página da FEDI-EA - Federação Espanhola de Associações de Radioamadores http://www.fediea.org/news/?news=20160615
---------------------------------------------------------------------------------------------
Monopoly? que monopólio?


"Unidos na diversidade", a divisa da União Europeia, mais do que o reflexo de uma realidade continental, é o slogan de uma campanha, uma aspiração coletiva de um desejo compartilhado.

No entanto, há muitos dos nossos compatriotas, mesmo colegas radioamadores, que anseiam por um exclusivo cada vez mais difícil de defender e sustentar algo, que lhes permita manter o controle e o poder que tiveram em tempos, marginalizando o resto.

Mesmo aqueles que querem construir um novo país, não parecem andar muito abonados de imaginação suficiente, pois, além de reproduzirem os vícios antigos, não trazem qualquer proposta inovadora.

Os argumentos para atrair seguidores para a causa, que vão desde o banal "a união faz a força" de alguns, a teoria do "interlocutor único" dos outros, usam a traição, o pau na roda, a desqualificação bruta e a crítica atroz do que é diferente, isto é, o oposto de uma concorrência saudável.

E nesta “alternância” ("quítate tú pa' ponerme yo"), em que a colaboração e aliança são palavras que parecem não ter lugar no seu dicionário, a não ser os conceitos subjacentes de subordinação e / ou de conformidade.

Talvez nós sejamos apenas um mero reflexo da nossa própria sociedade, como é a actual fragmentação da política espanhola e necessitemos, aumentar urgentemente a nossa cultura de aliança. Uma lição a descobrir para muitos.

Enquanto isso, com tanto abuso e atitude que favorece todos os valores e o futuro do radioamadorismo, surpreende que ainda exista quem perguntam porque não aderir à corrente.

São assim as coisas aqui; porque a nível internacional, lenta e subtilmente, se vai desvanecendo o papel do antigo "monopólio"...

Referimo-nos especificamente à IARU e como o nome está gradualmente desaparecendo das várias referências dentro da CEPT, dando lugar a uma referência mais etérea: "organizações internacionais representativas dos titulares de licenças do serviço de radioamador."

Tudo isso, pelo simples facto de aparecer em cena a EURAO, a quem deve ser reconhecido e aos seus promotores, a ousadia, visão de futuro e grande determinação para superar aquela aparente dificuldade.

Mas não nos enganemos, a IARU, com um orçamento mais de cem vezes maior do que o da EURAO, tem uma capacidade não negligenciável, de influenciar, em muitas decisões que nos afetam, mesmo por ser capaz de pagar as suas viagens para a participação em múltiplas reuniões que se realizam em todo o mundo.

A nivel nacional (Espanha), a pressão tem vindo a exercer-se e a FEDI-EA também sofreu as consequências. Para dar um exemplo significativo, lembre-se que no processamento do Regulamento de Radioamador de 2006 a Administração apenas facilitou o projecto à URE, enquanto que o Regulamento de 2013, passou antes por um processo de consulta pública em duas fases.

Em honra daqueles que têm fé em si mesmos, dos que “vestem a camisola”, que acreditam que "querer é poder" e do seu esforço colossal, hoje deixamos esta parábola ilustrativa de Jorge Bucay: O elefante acorrentado.


O elefante acorrentado

Quando eu era pequeno adorava circos e o que eu mais gostava neles eram os animais. Especialmente chamava-me a atenção o elefante que, como descobri mais tarde, também foi animal favorito de outras crianças. Durante a atuação, o enorme animal ostentava um tamanho, um peso e uma força enorme ... Mas depois da atuação e antes de voltar para o palco, o elefante sempre permanecia amarrado a uma pequena estaca no chão, com uma corrente que lhe aprisionava as pernas.

No entanto, a estaca era apenas um pequeno pedaço de madeira enterrada a poucos centímetros no solo. E embora a madeira fosse grossa e poderosa, parecia óbvio que um animal capaz de arrancar uma árvore com a sua força, facilmente se poderia libertar e fugir.

O mistério permanecia. O que o prende então? Por que não foge?

Quando criança, eu ainda confiava na sabedoria dos mais velhos. Então eu perguntei sobre o mistério do elefante ... Alguns deles me diziam que o elefante não fugia porque estava domesticado.
Então eu fiz a pergunta óbvia: "Se está domesticado, porque o acorrentam?". Não me lembro de ter recebido qualquer resposta coerente.
Com o tempo, eu esqueci o mistério do elefante e da estaca ...
Alguns anos atrás, eu descobri que, felizmente para mim, alguém tinha sido sábio o suficiente para encontrar a resposta: "O elefante do circo não fugia porque ele tem sido amarrado a uma estaca, desde muito pequeno. "

Fechei os olhos e imaginei o indefeso elefante, recém-nascido, preso a uma estaca. Estou certo de que, naquele momento, o pequeno elefante teria empurrado, puxado e suado tentando soltar-se. E, apesar de seus esforços, ele não conseguia, porque a estaca era demasiado forte para ele. Imagino que ele tenha adormecido exausto e no dia seguinte tentasse novamente, e no dia seguinte e no outro ... até que um dia, um dia terrível para a sua história, o animal aceitou sua impotência e se resignou ao seu destino.

Este elefante enorme e poderoso que vemos no circo não escapa porque acredita que não pode.

Ele gravou na sua memória a impotência que sentiu logo após o nascimento. E o pior é que jamais voltou a questionar, sériamente, essa memória. Nunca tentou, novamente, testar a sua força.

Estamos todos um pouco como o elefante do circo: Estamos no mundo amarrados a centenas de estacas que nos tolhem a liberdade.

Vivemos pensando que "não podemos" fazer muitas coisas, só porque uma vez, há muito tempo, nós tentamos e não teve êxito. Fazemos o mesmo que o elefante e registámos, na nossa memória, esta mensagem: Eu não pude, não posso e nunca será capaz de o fazer.

Temos crescido carregando esta mensagem que nos imposémos a nós mesmos e nunca mais voltámos a tentar libertar-nos da estaca.

Quando, às vezes, sentimos que soam grilhões e correntes, olhamos de soslaio para a estaca e pensamos: "Eu não posso e nunca serei capaz".

Isto é o que acontece quando se vive condicionado por uma memória que já não existe em ti, não podes.

A única maneira de saberes se podes é tentar de novo pondo na tarefa todo o teu empenho... "Todo o teu coração !!!


Jorge Bucay