A Tertúlia tem como objectivo principal:

a) promover acções de carácter humanitário, de ajuda a Radioamadores que dela necessitem e de colaboração na prevenção e combate a sinistros;

b) promover a aproximação entre Radioamadores dos diversos quadrantes.

(Artº Quarto dos Estatutos)


.

.

Localizador de radioamadores no QRZ.com

O www.qrz.com disponibilizou (através de http://qrz.com/gridmapper) um  mapa com a localização , aproximada, por quadricula dos radioamadores, com base nos dados constantes do qrz.com.
Ao passar o ponteiro do rato por cima da "pintinha" abre-se uma janela com o indicativo e o nome.
Divirta-se a procurar os colegas.

ANACOM: a fiscalização / controlo do espectro


A ANACOM como responsável primária pela gestão do espectro radioelétrico em Portugal, dispõe de várias ferramentas, tais como, sistemas de medição fixos, móveis e portáteis, incluindo estações de radiogoniometria de HF, VHF e UHF, destacando-se o SINCRER-Sistema Nacional de Controle Remoto do Espectro Radioelétrico, composto por um conjunto de 10 estações recetoras instaladas em locais privilegiados distribuídos pelo território continental e operadas remotamente a partir de 2 centros de monitorização e controle do espectro.
Leia o interessante e completo artigo de António Vilela-CT1JHQ no Arla-Cluster https://groups.google.com/forum/?hl=pt-PT#!topic/arla-cluster/X50a3q0R8cE
 

mais um ... Manual de Antenas!

Mais um Manual de Antenas (e não só...)!
Para quem gosta destas coisas (de Antenas) são 190 páginas do melhor sobre ondas de rádio, propagação polarização, direccionalidade e ganho, bem como, cálculos e antenas de campo e emergência.
(clique na imagem para abrir)
Divirta-se!| (e lembre-se que a melhor "prenda" que pode dar ao seu rádio é uma boa antena!)


Exercício de Emergência pela EEPC da TRGM

Decorreu no passado dia 06 de Julho, conforme anunciado e inserida no programa do TRGM-Coimbra Field Day-2013 o anunciado Exercício de Comunicações de Emergência, protagonizada pela equipa de emergência em proteção civil (EEPC) da TRGM. A realização de exercícios de comunicações de emergência e a preparação/treino de radioamadores advém do imperativo legal contido no PNEPC-Plano Nacional de Emergência de Proteção Civil que comete a estes, entre outras,
- Apoiar as radiocomunicações de emergência;
- Estabelecer e garantir autonomamente vias de comunicação, recuperação e integração de outros meios e dispositivos de comunicação;
- Reportar através dos meios de rádio, informação útil ao acionamento de meios de socorro e salvamento;

Exercício simulado de emergência
 
À hora estabelecida, foi dada ordem de partida pelo coordenador das EEPC, Sousa-CT1ASP, para as posições pré-determinadas com o objetivo de estabelecer uma "rede" entre as várias posições e desta para a estação base (no aeródromo) de modo a assegurar a cobertura dos pontos-chave da cidade onde, supostamente, os nossos meios seriam necessários no caso de falência das redes oficiais de comunicações (Nó rodoviário IC2 Sul, Casa Municipal da Proteção Civil, PSP, HUC, Quartel-general, Nó IC2 Norte, Nó do Almegue-A1 Sul, Heliporto do iParque).
A partir da BASE, localizada no Aeródromo Municipal de Coimbra, a estação CR5CCC, receberia as comunicações posição a posição e faria a ligação com as autoridades de proteção civil, no local e outras, no exterior, através de VHF ou HF.
O exercício
Em menos de 10 minutos (tempo previsto) as posições estavam tomadas e anunciadas à base, seguindo-se o cruzamento/comunicação entre posições.
Resultados
Estabelecida a rede, que era o objetivo do exercício, foi transmitida uma mensagem de felicitações pelo sucesso da ação e a base deu por findo o exercício simulado de comunicações de emergência com indicação de regresso.
 
Como amadores e voluntários não estamos integrados em qualquer estrutura de comando. Logo, a forma de cumprirmos a nossa parte é mantermos a nossa auto-coordenação através do treino em comunicações de emergência porque mesmo quando tudo falha, um Radioamador está operativo!
 

Projeto ILER-40, do principio ao fim

Com o 1º Concurso QRP de Coimbra terminou o Projeto ILER-40 da Tertúlia do Ferro de Soldar.
Foram 12 sábados, a dobrar. Não porque a tarefa fosse mal dimensionada, mas porque ... sempre nos esquecemos das horas... tal era o entusiasmo! A hora prevista para o fim das sessões (18:00 h) sempre derrapava lá para depois das 20:00 horas.
No passado sábado, dia 6 de Julho, todos os 6 equipamentos foram para o ar, com os seus 5 Watts que, apesar da propagação não ser a melhor, não se amedrontaram com os cerca de 1.000 Kms até à posição de EA5KZ.
A propagação e o QRM dos concursos de fim de semana, não permitiram voos para além dos Alpes... mesmo assim CTs e EAs marcaram presença honrosa.

Cabe aqui uma palavra de agradecimento público ao Mário Mateus-CT1AHM pelo empenho, conhecimentos, disponibilidade e entusiasmo postos nesta ação, ILER-40 que, sendo nós os beneficiários primeiros se trata de um verdadeiro serviço ao radioamadorismo.

TRGM-Coimbra Field Day-2013

Numa manhã bem quente e numa tarde tórrida decorreu o Coimbra Field Day-2013.
Iniciada a jornada, ainda não eram 6 horas da "madrugada" era necessário montar e afinar antenas e equipamentos.
Só E/R de QRP eram 6, construídos, ao longo dos últimos 3 meses, pelos participantes da ação da Tertúlia do Ferro de Soldar.
Alguns minutos depois da sete, ligou-se o primeiro QRP... um QRM ensurdecedor!!!
Fixámos 5 KHz (entre 7130 e 7135 KHz) para não "atormentar" os colegas que têm outra forma de utilizar as frequências. Verificámos vários calendários de concursos para nos certificarmos que não éramos pisados pelas botas dos concursos... qual quê? Havia de surgir um daqueles concursos a comemorar o rebentar da folha da erva do prado e um OM que se posta nos 7,130 MHz mas que se ouvia 5 abaixo e 5 acima como se estivesse na tenda ao lado!!!
Mas, lá se fez e com muita satisfação de todos os participantes. Os nossos pequeninos 5 Watts eram escutados a mais de 1.000 Kms com um sonoro real FIVE NINE PLUS ao bater das 07:00!
A meio da manhã aterrava um avião com o nosso prezado colega CT1AL aos comandos que, apesar de condicionado no tempo, nos presenteou com a sua visita ao campo.
A uma hora do fecho já se pedia ao santo protetor dos propagaciómetros para adiantar o relógio antes que as máquinas ardessem, de fora para dentro. Ao dar do meio-dia era vê-los a correr para o bar do aeródromo como beatas atrasadas para o terço.
A tarde, após o almoço, o pessoal postou-se à sombra dos sobreiros do parque de merendas, em ameno QSO de metro.
Ligado, estava o Icom 706 com a CR5CCC em QAP.
Lá pelas quinze chega o pessoal do DC, condignamente recebidos pelo CT1PR no bar e depois conduzidos à mesa das operações. Tomadas umas notas e umas imagens e o CT1ASP dá inicio ao briefing do exercício de emergência que noticiamos noutra postagem.
Em jeito de conclusão, apesar da enorme canicula, foi um dia memorável, de excelente confraternização.
Um abraço e até para o ano, provavelmente e pelas melhores razões, no mesmo sítio!

no rescaldo do... TRGM-Coimbra Field Day-2013

Mais do que poderíamos mostrar o DIÁRIO DE COIMBRA fala pelo que foi o Field Day da Tertúlia, ontem ocorrido.

                                                                                   (clique na imagem para aumentar)